domingo, 24 de maio de 2009

OBJETO DIRETO E INDIRETO

OBJETO DIRETO E OBJETO INDIRETO

O objeto direto e o indireto são termos integrantes da oração que completam o sentido dos verbos transitivos.

Objeto direto

- vem sempre associado a um verbo transitivo;
- liga-se ao verbo sem preposição, exigida por este;
- indica o paciente, o alvo ou o elemento sobre o qual recai a ação verbal.

Ex.: Maria vendia doces.
sujeito v.trans. direto obj.direto
As crianças esperavam os pais.
sujeito v. trans.direto obj.direto

Objeto direto preposicionado

O objeto direto pode vir precedido de preposição: é chamado objeto direto preposicionado. Tal preposição ocorre por razões várias e não pela exigência obrigatória do verbo.

Ex.: Estimo aos meus colegas. ( estimar: verbo transitivo direto, a preposição surge como um recurso enfático e não porque o verbo a exija.)

Objeto indireto

- vem sempre associado a verbo transitivo;
- liga-se ao verbo através de preposição exigida por este;
- indica o paciente ou o destinatário da ação verbal.

Ex.: Davi gosta de música.
sujeito v.trans. indireto obj.indireto

A professora não confia em seus alunos.
sujeito v.trans. indireto obj.indireto


Núcleo do objeto

O núcleo do objeto é representado por um substantivo (ou palavra com valor de substantivo).

a) substantivo: Ana comprou chocolate.
sujeito v. trans. direto obj.direto

b) pronome substantivo: O chefe confia em nós.
sujeito v. trans.indireto obj.indireto


c) palavra substantivada: Ele esperava um tchau.
sujeito v. trans.direto obj. direto

O objeto pode ser constituído por pronome oblíquo:

- os pronomes o, a, os, as atuam como objeto direto.
v.trans.direto
Ex.: O pai deixou-as na escola.
obj.direto

- os pronomes lhe, lhes atuam como objeto indireto.
v.trans.indireto
Ex.: A notícia interessava-lhes.
obj.indireto

Os pronomes oblíquos me, te, se, nos, vos podem atuar como objetos diretos ou indiretos, de acordo com a transitividade verbal.

v.trans.direto
Ex.: Elegeram-me representante da classe.
obj.direto
v. trans. direto e indireto
Mostraram-nos um mundo inacreditável.
obj.indireto obj.direto

PREDICATIVO

Predicativo , na análise sintática, é o termo ou expressão que complementa o objeto direto ou o objeto indireto, conferindo-lhes um atributo. O predicativo somente aparece em predicado nominal ou verbo-nominal pois é complemento do verbo de ligação. A formação do predicativo do objeto é feita através de um substantivo ou um adjetivo. Há duas classificações para o predicativo, predicativo do sujeito e predicativo do objeto.

Ex.: As crianças são sapecas.
Os adultos consideram as crianças sapecas .

# O termo que indica uma qualidade ou um estado do sujeito ou do objeto direto ou do objeto indireto.

# No predicado nominal sempre existe predicativo do sujeito.

# No predicado verbo-nominal, sempre existe predicativo do sujeito ou do objeto direto o do objeto indireto.

Exemplos: Ele está triste .
Predicativo do sujeito: triste.

Os alunos são inteligentes.
Predicativo do sujeito: inteligente.

O trem chegou quebrado.
Predicativo do sujeito: quebrado

Nomeei José o meu secretário.
Predicativo do objeto direto: o meu secretário .

Chamei-lhe de ladrão.
Predicativo do objeto indireto: ladrão.

O PREDICATIVO PODE SER:

a) do sujeito.
b) do objeto direto
c) do objeto indireto

Observação:

1 - No predicado nominal, o predicativo é o termo mais importante no que se refere ao predicado.

2 - Com o verbo chamar pode aparecer um predicativo referente o objeto indireto e ao objeto direto

3 - Só existe predicativo do objeto indireto com o verbo chamar.
4 - O predicativo do objeto direto ou do objeto indireto "pode" aparecer precedido de preposição.

PREDICATIVO DO OBJETO

O predicativo do objeto nos informa alguma coisa a respeito do objeto (complemento do verbo).

Ex: Joana comprou flores perfumadas.

COMPROU= verbo transitivo direto.
FLORES= objeto direto.
PERFUMADAS= informa algo de novo a respeito do objeto. Nos informa que as flores compradas são perfumadas. É uma característica do objeto. Logo, "perfumadas" é o predicativo do objeto direto.

Todas as classes gramaticais podem exercer a função de predicativo ( do sujeito ou o objeto), exceto:

1-artigo
2-preposição
3-conjunção
4-interjeição

MAIS EXEMPLOS:

Maria comprou um livro caro.
O dono da loja nomeou a funcionária gerente.

caro e gerente são predicativos do objeto.

comprou= verbo transitivo direto.
um livro= objeto direto.
caro= predicativo do objeto direto.

nomeou= VTD
a funcionária=OD
gerente= POD

Note que os pred. acima qualificam os objetos diretos. Há apenas 1 caso em que o predicativo se refere ao objeto indireto:

-com o verbo chamar no sentido de "nomear algo ou alguém".
Ex: Chamei-lhe de boboca.

lhe= objeto indireto
de boboca= pred. do objeto indireto.

Predicado Verbo-Nominal
É o tipo de Predicado que tem dois núcleos, ou seja, um verbo (transitivo ou intransitivo), e um nome (predicativo).

Exemplos:
JOSÉ CHEGOU CANSADO
SUJEITO PRED. VERB. NOMINAL

Dicas:
- Atente ao verbo de ação e ao adjetivo na frase.
- O adjetivo tem que se referir ao sujeito ou ao objeto.
- O verbo de ligação estará sempre implícito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário